Hoje, não analisarei nenhuma Medida Provisória, Decreto, Instrução Normativa, que alteram legislação trabalhista, previdenciária ou tributária do País. Já era difícil o acompanhamento da legislação sem o Coronavírus, agora não tenho nem palavras do que se tornou, aquilo que já chamávamos de manicômio tributário.

Pois, bem nós não tivemos nem direito de entrar em quarentena, pois todas essas alterações devem ser feitas por nós, contadores, para informar nosso maior usuário no momento “O PODER PÚBLICO“, com informações ao E-Social, de quais contratos foram suspensos, reduzidos, quem entrou em férias, quem foi demitido, etc.

As obrigações acessórias, que tanto falamos, poucas foram prorrogadas, cito como exemplo a GRF (Guia de Recolhimento do FGTS) que teve seu vencimento diferido para julho, mas a SEFIP (obrigação acessória) deve ser entregue até o 7. dia do mês subsequente, sob pena de multa, veja texto integral publicado no nosso blog. Quem tem que entregar? Contador.

Recebemos nesse momento um e-mail de nosso Conselho Regional de Contabilidade, o qual colacionarei integralmente abaixo, que pede que os empresários “VALORIZEM O TRABALHO DOS CONTADORES“, pois não somos produtores de manufaturados, não estamos “vendendo e ou ofertando” verduras, legumes ou frutas, sem nenhuma intenção de denegrir esses produtores, os quais são essenciais ao País, mas produzimos “algo” diferente, decorrente de nossa capacidade intelectual.

Todos documentos exigidos pelas instituições financeiras para obtenção de empréstimos de nossa carteira foram aprovados, pois DE TODOS NOSSOS CLIENTES TEMOS ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL, seja ele Microempreendedor individual, ou sociedade anônima, se precisarem temos balancetes, balanços patrimoniais, resultado do exercicio, resultado abrangente, EBTIDA, etc. Agora questiono aquele que cobra bem baratinho faz contabilidade? será que essas empresas online (que nem atendem ao cliente) fazem? vão conseguir os empréstimos no montante desejado para ter fluxo de caixa e salvar a empresa?

Por isso, valorize aquele que está ao seu lado para salvar nesse momento sua empresa.

Por fim, colocaciono a mensagem recebida para não alongar esse texto:

“Preservar vidas: CRCSP apoia medidas e pede apoio dos governos para os profissionais da contabilidade

Publicado em 7/4/2020

Nesta segunda-feira (6), o governador de São Paulo, João Dória, prorrogou a quarentena no estado até o dia 22 de abril. O Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo (CRCSP) apoia todas as medidas da Organização Mundial da Saúde, do Ministério da Saúde e da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo que visam prevenir e deter a disseminação do Covid-19.

O CRCSP tem registrados mais de 150 mil profissionais e mais de 20 mil empresas de contabilidade no Estado de São Paulo. Empresas públicas e privadas, inclusive hospitais e atividades consideradas essenciais estão, neste momento sendo orientadas pelos profissionais da contabilidade.

No sábado (4), Dória voltou atrás em sua decisão de permitir que escritórios de contabilidade fizessem atendimento presencial, permitindo apenas atividades internas e home office.

Neste momento em que a união de forças é essencial para salvar vidas, a classe contábil não foge às suas responsabilidades perante o empresariado e o Governo e vem trabalhando diuturnamente para cumprir, como sempre fez, todas as demandas das empresas públicas, privadas e do terceiro setor, das mais diversas atividades e dos mais variados tamanhos.

Atento à prevenção da saúde dos profissionais da contabilidade, o CRCSP recomenda aos escritórios com trabalho presencial: manter os ambientes ventilados; higienizar adequada e regularmente cadeiras, mesas, telefones, teclados, computadores e outros equipamentos; não compartilhar objetos pessoais; disponibilizar lenços descartáveis em diversos locais para higiene nasal; distribuir dispensadores de álcool-gel; elaborar material visual de conscientização da importância da correta lavagem e secagem das mãos.

Aos profissionais de contabilidade que estão em home office, o CRCSP recomenda: organize seu canto; tome banho no horário usual, vista-se apropriadamente, faça o café da manhã como sempre; estabeleça uma rotina: defina um expediente para que tenha um horário para iniciar e terminar suas funções todos os dias; faça pequenos intervalos ao longo do dia — além de separar uma hora para o almoço; fuja das distrações no horário de trabalho; contato constante entre empregados e empregadores é essencial; fique atento às emoções: diante de todas as notícias sobre a pandemia, é importante monitorar o que está sentindo e evitar o isolamento virtual.

O CRCSP solicita que os usuários da contabilidade facilitem os contatos e envio aos contadores de documentos digitalizados de maneira segura para que os profissionais possam realizar seu trabalho da melhor forma possível. Solicita ainda que os empresários, valorizem o trabalho dos contadores e ajudem a manter os seus negócios.

Aos governos federal, estadual e municipais, o apelo é para que amparem os trabalhadores da contabilidade neste momento tão difícil, adaptem suas legislações e cancelem penalizações e multas.

O CRCSP apoia os 150 mil profissionais da contabilidade do Estado de São Paulo, está junto com cada um e tem fé que logo mais superaremos esta guerra contra o coronavírus.

José Donizete Valentina

Presidente do CRCSP “

Segue Link para consulta: https://online.crcsp.org.br/portal/noticias/noticia.asp?c=3322

Vídeos JJR

Chamada para os vídeos.

Sua Empresa é nossa prioridade do início ao fim!
Cuidamos de tudo para você.